Home   Empresa   Serviços   Oportunidades   Entre em Contato
A Empresa
Missão, Visão e Valores
Consultores Fundadores
Área de Atuação
Nosso Objetivo
Nosso Diferencial
Cadastre seu currículo
Oportunidades
Twitter
Facebook
Notícias
Artigos
Eventos
Labore na Mídia
 
Fale Conosco

Feedback, uma ferramenta aliada da Gestão de Pessoas

O termo feedback que significa retroalimentação, é utilizado nas empresas como uma ferramenta extremamente útil na condução das relações humanas. As pessoas se comunicam umas com as outras e dão feedback de suas ações e atitudes constantemente, garantindo assim, a importância para a manutenção de um bom clima organizacional.

Para que um feedback se torne útil é preciso que ele seja: descritivo (que tenha a essência do tema), específico (mostre objetividade), compatível com as necessidades do comunicador e do receptor (atenda de maneira igualitária), dirigido (indicar claramente a quem esta dirigido), solicitado (sempre estar disponível), oportuno (momento exato) e esclarecido (o outro lado precisa saber exatamente do que se trata).

No âmbito organizacional, cada dia deve ser visto como uma "caixinha de surpresas". Por essa razão, é indispensável que todo profissional saiba o que a empresa espera dele e de qual contribuição pode dar ao negócio. Para que isso ocorra e o colaborador esteja ciente se está ou não atendendo às expectativas da companhia, é necessário que se estabeleça um canal aberto de diálogo entre ele e seu gestor. É nesse momento que o feedback torna-se uma ferramenta aliada da Gestão de Pessoas.

 A dificuldade de receber feedback está no fato de não aceitarmos nossas ineficiências, neste sentido, podemos dizer que quanto menor o nível de feedback em uma organização, menor seu nível de transparência e conseqüentemente maior índice de ineficiência, diz Aldir Rocha, sócio-diretor da Labore Consultoria e Treinamento.

O processo de feedback é dificultado quando há conflitos de interesses, levando a situações pessoais indesejáveis para o bom andamento das empresas. As pessoas em sua grande maioria não estão preparadas para receber feedback, sendo assim, as empresas e seus líderes devem estimular esta cultura entre seus colaboradores. Para que as empresas superem estas dificuldades é preciso: estabelecer relação de confiança entre os funcionários, reconhecer o feedback como um processo que leva tempo e uma boa educação corporativa, aprender a ouvir, aprender a dar feedback de forma habilidosa.

Contudo, vale salientar, que alguns fatores podem comprometer significativamente o êxito desse processo. São eles:

• Falta de preparo de quem conduz o feedback.
• Gestores sem as competências necessárias e aptos a aplicar o feedback.
• Instituir o feedback sem explicar aos colaboradores os objetivos do processo e os benefícios que o mesmo trará a eles e à própria organização.
• Falta de sensibilidade dos gestores ao aplicar o feedback a partir do contexto que será desenvolvido nesse diálogo. Isso, no entanto, não significa que a liderança deva sempre "pisar em ovos" e ficar com receio de realizar o seu papel. O fundamental é saber usar a abordagem certa. Para isso, antes de iniciar o processo, quem aplica o feedback deve colocar-se também no lugar do outro.
• Gestores que se utilizam do feedback para buscar auto-afirmação ou como um meio de reafirmar sua autoridade frente aos liderados.
• Realizar o processo em local inadequado como, por exemplo, diante de outros membros da equipe.
• Pensar que o feedback é um processo de "mão única", ou seja, apenas a liderança tem direito de falar. Para a outra parte cabe apenas o direito de ficar calado, ouvindo e concordando com tudo o que foi dito.

O Feedback é importante para facilitar o relacionamento interpessoal, sem esta ferramenta dificilmente uma organização poderá sustentar suas atividades, porém, o Feedback deve ser o ideal, ou seja, deve ser feito de uma forma que haja um melhor retorno de uma pessoa para outra, que seja entendido o resultado das ações e das melhorias desenvolvidas neste relacionamento.


Aldir Rocha é sócio-diretor da Labore Consultoria & Treinamento, empresa especializada em Gestão de Recursos Humanos.

Atualizado em 14/10/2011
Sobre nós
Central do candidato
Redes Sociais
Publicações